É o novo conceito do futuro?

Desenvolvido pelo grupo de veículos elétricos Uniti, o modelo de dois lugares foi “otimizado para alto desempenho e agilidade em ambiente urbano”. Segundo a startup, o veículo é projetado para emitir 75% menos carbono do que os elétricos convencionais em todo seu ciclo de vida.

Leia Também

Ferrari de 1959 é vendida por R$ 58 milhões

McLaren Senna é revelado, um carro de US$ 1 milhão

Relíquia, Bugatti Type 55 Roadster vai a leilão

Odyssey, a moto futurista extremamente rara

Além dos benefícios de ter um modelo que não depende de combustíveis fósseis, os clientes receberão, por cinco anos, a quantidade de energia suficiente para carregar seus veículos. A eletricidade virá de fonte solar, que a Uniti conseguirá armazenar e distribuir em parceria com a empresa de energia e mobilidade eletrônica E.ON.




“Esta é também uma nova abordagem. Sabemos que a maior parte da cobrança, especialmente para esses tipos de carros, ocorrerá em casa. Esses tipos de solução são, portanto, particularmente sustentáveis”, afirma Tobias Ekman, Gerente de Inovação da Uniti.

O modelo foi lançado na última quinta-feira (7) em Landskrona, uma cidade da suécia que faz parte do condado de Skåne, e não tem previsão de chegar ao Brasil.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Via Ciclo Vivo

Faça um comentário

Loading Facebook Comments ...

Leave a comment